quinta-feira, 23 de junho de 2016

Trabalhando as emoções na escola - Parte 3

Além de ler o livro Amor, Amor da Helo Bacichette, assistir o filme Divertida Mente, e trabalhar com emoticons na aula de Informática, vamos criar QR Codes sobre as emoções. A atividade vai começar decifrando alguns códigos para formar palavras. Depois vamos escrever sobre algumas emoções e criar nossos próprios códigos.




Google Lit Trips

Já pensou em marcar as jornadas dos seus personagens preferidos? Basta criar um mapa e marcar os locais, adicionando informações. Inclusive há um recurso específico para isso: Trips Google Lit

Você pode acessar os mapas já existentes, ou criar suas próprias aventuras. Os estudantes do 5º ano já estão preparando a sua aventura a partir do livro O MUNDO EM SILÊNCIO.


quarta-feira, 22 de junho de 2016

terça-feira, 21 de junho de 2016

Nosso Mapa da Leitura

Depois de acessar e usufruir do MAPA DA LITERATURA BRASILEIRA, conhecendo obras e autores de diferentes regiões do Brasil, chegou a hora de construir nosso Mapa da Leitura

Os pequenos dos 4º e 5º anos tiveram a liberdade de escolher suas obras preferidas. Cada aluno escolheu um livro para fazer uma breve apresentação. E pesquisar imagens na internet. Tentamos evitar o copiar e colar, escrevendo as apresentações e resumos com as nossas palavras, mas... tivemos alguns pequenos "deslizes".

Decidimos criar Nosso Mapa da Leitura porque alguns alunos escolheram obras estrangeiras como O Diário de um Banana e A Hora do Espanto. Por isso busquei outras ferramentas possíveis de serem usadas pelas crianças:

  • Usamos o Google Maps, com os logins criados pela professora;
  • Cada aluno localizou a cidade/estado/país de origem do seu livro com um marcador;
  • Inseriu o título da obra na caixa correspondente ao marcador;
  • Registrou a apresentação ou resumo do livro;
  • Inseriu uma imagem da capa do livro.
Confira nosso trabalho, em constante construção, pois a ideia é atualizá-lo periodicamente, acrescentando novas obras:

domingo, 19 de junho de 2016

Assemblage - O mundo em silêncio

Estamos preparando assemblages com os alunos do 5º ano, partindo do livro O mundo em silêncio da escritora Helo Bacichette.

Assemblages são trabalhos artísticos de colagens com objetos e materiais tridimensionais. A assemblage é baseada no princípio que todo e qualquer material pode ser incorporado a uma obra de arte, criando um novo conjunto sem que esta perca o seu sentido original.

Termo francês que significa "montagem", é composta de madeira, papel, tecido, pedaços de brinquedos e muitas outras coisas unidas com cola ou simplesmente por encaixe, a obra é uma forma de expressão do imaginário do autor.

Para aproximar a meninada do tema, vale levar para a sala de aula imagens de obras como as apresentadas na exposição pioneira The Art of Assemblage, organizada em 1961 no Museu de Arte Moderna (MoMA) de Nova York, nos Estados Unidos. E de artistas como o italiano Alberto Bruni (1915-1995), os espanhóis Antonio Tapies e Pablo Picasso (1881-1973) e os brasileiros Arthur Bispo do Rosário (1909-1989), Wesley Duke Lee (1931-2010), Nuno Ramos e Leda Catunda.


A inspiração vai partir do livro O Mundo em Silêncio  que nasceu de uma experiência de escrita compartilhada. A seis mãos. Atentos ao poder que a palavra exerce nas sociedades, Helô, Ignacio e Marô convidam os leitores a embarcarem numa mágica aventura para (re) encontrarem o prazer do convívio com a palavra, para troca de ideias e de afetos. Este livro é também uma nova forma de aproximação entre os povos do nosso continente. E, nas vozes de Lila, Iara e Rafael, abre caminho para um diálogo necessário, cada vez mais amigo e irmão.

PARA SABER MAIS:
http://novaescola.org.br/fundamental-1/assemblage-arte-reunir-objetos-diversos-contar-historias-639039.shtml

sexta-feira, 17 de junho de 2016

As emoções em Divertida Mente


A animação Divertida Mente (Inside Out) abordou cinco emoções: Alegria, Medo, Raiva, Nojo e a Tristeza. Cada uma como um personagem que vive dentro da mente humana. No caso, no cérebro da menina Riley, as emoções se revezam no comando.





Trabalhando as emoções na escola com emoticons - Parte 1

Com a intenção de reconhecer os próprios sentimentos e os dos outros, estou preparando algumas atividades para os alunos do 3º ano. É o reconhecimento das emoções que irá nos auxiliar a compreendê-las, lidar melhor com as situações e com aquilo que sentimos, solucionar conflitos com mais facilidade e com menos sofrimento.

A abreviação de “emoção” (emotion, em inglês) + “ícone” (icon, em inglês) formou a palavra “emoticon“, que nada mais é que usar caracteres para expressar emoções. Existe uma lista enorme de todas as expressões que você pode construir usando caracteres, indo desde o simples sorriso : ) até coisas complexas como esse ¯_(ツ)_/¯, que é meio auto explicativo.

Confira a lista de emoticons aqui:

http://thesuperleozaum.blogspot.com.br/2011/03/emoticons-no-teclado.html

O que podemos fazer com os emoticons na escola? Inspire-se:

OU

OUTRAS IDEIAS:

Caderno de Atividades Trabalhando com as emoções
https://psicologiaacessivel.net/caderno-de-atividades-trabalhando-as-emocoes/

Emoticon: Das palavras aos caracteres e agora aos stickers
http://www.midiatismo.com.br/emoticon-das-palavras-aos-caracteres-e-agora-aos-stickers


Trabalhando as emoções na escola com emoticons - Parte 2

Depois de ler o livro Amor, Amor da Helo Bacichette e assistir o filme Divertida Mente, os alunos vão trabalhar com as emoções na Informática:

1) ENQUETE:
Para mapear o uso que as crianças fazem da internet, preparei duas perguntas:

  • Quem usa emoticons?
  • Onde costuma usar?

2) RECONHECENDO EMOTICONS:
Identificar quais são os emoticons mais populares entre as crianças, desenhando-os com formas geométricas.

3) MAPA DAS EMOÇÕES:
Inspirados pelo poema ENDEREÇOS, da Helo Bacichette, e pela história de Riley, do filme DivertidaMente, os alunos vão reconhecer seus sentimentos, localizando os emoticons que criaram sobre o corpo humano:

DIVERTIDA MENTE NO MINECRAFT!

segunda-feira, 13 de junho de 2016

Projeto Trânsito - Parte 1

Para começar a tratar deste tema, fiz um MAPA CONCEITUAL coletivo, usando o GoConqr:


Depois, assistimos o vídeo a seguir, para comparar o que já sabemos e o que ainda precisamos aprender:


E na sequência os alunos listaram suas dúvidas e perguntas sobre o trânsito, que irão orientar as suas pesquisas:




Continua...

sábado, 11 de junho de 2016

Cartazes para a Festa Junina

Inspiração para criar cartazes para a Festa Junina. Vou usar um editor de imagens para construir os cartazes com as crianças. Quem sabe até o Wordle.





sexta-feira, 10 de junho de 2016

HYPATIAMAT - Aplicativos para Matemática

Você conhece o HYPATIAMAT? É uma projeto português, do pessoal da Escola de Psicologia da Universidade do Minho em colaboração com o Departamento de Matemática da Universidade de Coimbra, que pretende contribuir para a promoção do sucesso escolar dos alunos do Ensino Básico.

Eles construíram um site com muitas aplicações hipermédia centradas nos conteúdos de Matemática do 5.º ao 9.º ano, que queremos testar em diversas escolas e condições de aprendizagem.

A maioria dos jogos também está disponível no GooglePlay, então não é necessário de cadastrar no site para jogar. Dê uma espiada:


x
x

segunda-feira, 6 de junho de 2016

Atividade sobre o Meio Ambiente - Reciclando o celular

A maioria dos meus alunos possuem celular, por isso preparei esta atividade para os do 5º ano. A ideia é começar lendo e debatendo sobre o assunto:
Ícone da modernidade, o celular tem múltiplas funções no nosso dia a dia. Nele, quase tudo pode ser visto, acessado, jogado. Dá até para telefonar! No Brasil, quase todos têm um... que vai ficar obsoleto e - descartado de maneira imprópria - pode se transformar em um vilão poluidor. No infográfico a seguir, saiba como o aparelho é produzido, de onde vêm suas matérias primas e os danos que seus resíduos podem causar na nossa saúde e na natureza se forem mal reciclados ou jogados nos lixões.
1. Quais são as principais funções de um celular?
2. Você usa celular? O que costuma fazer com ele?
3. O que seus pais pensam sobre o uso do celular por crianças?
4. Você conhece alguém que não usa celular? Por que ela não usa?
5. O que significa OBSOLETO?
6. Por que o celular pode se tornar um "vilão poluidor"?
7. Qual é a maneira correta de descartar um celular obsoleto?

ACESSE O INFOGRÁFICO:


MATEMÁTICA:
Na reciclagem do celular, um tesouroDe acordo com o relatório From Waste to Resources, do programa para o Meio Ambiente das Nações Unidas (Unep), 1 tonelada de celulares sem as baterias rende      3,5 quilos de prata;     • 340 gramas de ouro;      140 gramas de paládio;      130 quilos de cobre;
No 1,2 bilhão de celulares vendidos no mundo em 2007 foram usadas       300 toneladas de prata;      29 toneladas de outro;      11 toneladas de paládio;•      11.000 toneladas de cobre.Nas baterias de lítio (20 gramas), foram usadas 4.500 toneladas de cobalto.

1. Digite no Google 1 TONELADA e descubra ao que ela equivale:
2. Converta as quantidades abaixo em quilos:
      300 toneladas de prata;      29 toneladas de outro;      11 toneladas de paládio;•      11.000 toneladas de cobre.
3. Descubra quantos celulares foram vendidos em 2015:
      no Brasil:
     no mundo:
4. Pesquise imagens de:
      prata, ouro, paládio, cobre, lítio, cobalto

INFORMÁTICA:

Criar um infográfico sobre o descarte correto do celular.

sexta-feira, 3 de junho de 2016

Atividade sobre Meio Ambiente - 1º ano

Essa atividade vai para os pequenos do 1º ano, da profª Margarete:


Vamos juntos amiguinhos 
Cuidar do meio ambiente 
Devemos sempre lembrar 
 Do planeta da gente 

Vamos logo amiguinhos 
O nosso planeta cuidar 
 Ele está dodoizinho 
Só nós podemos cuidar 

(melodia Samba Lelê)

Atividades sobre o Meio Ambiente - Filme Wall-E



SINOPSE: Wall-E (2008) 

Mostra os impactos causados pelo lixo e a necessidade de reciclar. Em um futuro distante, a Terra está totalmente devastada e desabitada. Por aqui, só restou um robozinho (Wall-E) que tem a função de organizar a bagunça deixada pelos seres humanos. Enquanto isso, as pessoas vivem em um cruzeiro espacial e ficam tão rechonchudas e sedentárias que mal conseguem andar sem a ajuda de aparelhos. O filme deixa a mensagem de que cada um é responsável pelos resíduos que produz e um alerta: é necessário de reduzir a produção de lixo no mundo.


ALGUMAS IDEIAS:

  • A responsabilidade que cada um deveria ter em relação aos resíduos que produz;
  • A mania que temos de responsabilizar os outros pelo encaminhamento de nossos resíduos; 
  • Refletir, a partir do filme, qual a atitude mais coerente: um consumo mais responsável, ou permanecer no mesmo ritmo de consumo, encaminhando o lixo para reciclagem? (Sugestão de leitura adicional: “Três erres”); 
  • Quão real o filme pode ser em relação ao futuro da Terra e da humanidade;
  • Os problemas do sedentarismo; 
  • Até que ponto as inovações tecnológicas podem ser vantajosas, e a partir de que ponto se torna um malefício; - O problema da “preguiça de pensar”; 
  • Como impedir que algo parecido aconteça com o nosso planeta; 
  • Conceito de desenvolvimento sustentável.
VAMOS JOGAR?

TORRE DE LIXO

COLORINDO WALL-E

QUEBRA-CABEÇA

TIRO À SUCATA

PINBALL DO WALL-E

PLÁSTICO BOLHA

REFERÊNCIAS:

segunda-feira, 30 de maio de 2016

Mapa da Literatura Brasileira

O Mapa da Literatura Brasileira reúne contos, poemas, crônicas, romances de autores atuais e do passado, originários de diversas regiões do país. É um olhar sobre o Brasil por meio de sua Literatura. 

O mapa permite filtrar obras por público-alvo (adulto ou infanto-juvenil), nível de escolaridade (Educação Infantil, Fundamental I, Fundamental II, Ensino Médio, EJA), linguagem (prosa, poesia e teatro), regiões, além do critério por temática como literatura indígena, periférica, entre outras.

A plataforma traz um mapa interativo do Brasil que mostra por meio de marcadores a distribuição dessas categorias. Ao clicar sobre o marcador, uma resenha sobre o escritor e as características da obra escolhida aparecem para o internauta. Há também informações adicionais disponíveis na rede como vídeos e entrevistas.

O visitante pode também contribuir para o mapeamento com indicações de livros e autores. Para isso, basta preencher um cadastro com dados pessoais e informações sobre a obra e o autor que gostaria de sugerir.

Conheça o Mapa da Literatura Brasileira:



Fonte:
http://www.cartaeducacao.com.br/reportagens/plataforma-mapeia-obras-literarias-pelo-brasil/

quarta-feira, 25 de maio de 2016

Por que usar Minecraft na educação?

Produzido por Sintian Schmidt

Não é só porque está na moda, ou porque as crianças adoram. Minecraft tem muito a ensinar, mesmo sem a clara intenção de fazer isso. Ele oferece possibilidades criativas, sociais e educacionais, acredita? Então tire uns minutos para conhecer o jogo e observe... Há leitura, escrita, matemática, ciências, história, arte,... É muito conhecimento envolvido! Ele só não é sistematizado como na escola, e é por isso que tudo é tão interessante ;-)

A escola pode fazer algumas associações entre o que acontece no jogo e a vida real. Por exemplo, como forjamos metais? Existem biomas semelhantes no nosso planeta? Onde se localizam? Peça para as crianças elaborarem suas perguntas. As curiosidades podem gerar grandes projetos de aprendizagem :-)

Um aspecto importante do jogo é que há modos diferentes de jogar. O meu preferido é o CRIATIVE, onde o jogador cria o seu mundo, com liberdade e muita imaginação. O preferido dos meus alunos é o SURVIVAL, onde o foco é a sobrevivência e o jogador precisa extrair recursos do mundo a sua volta, como madeira, pedra e ferro, para construir, se equipar e se armar até conquistar seu espaço. Existem outros modos, como o ADVENTURE e o HARDCORE, que adicionam dificuldade ao jogo.

Independente da forma de jogar, os princípios são os mesmos: criar um mundo com os elementos disponíveis, habitá-lo e sobreviver. Como na vida real!
E na escola?

Podemos simular no jogo situações de aprendizagem ou usar situações do jogo na sala de aula (é o que eu estou fazendo). Como construir as pirâmides do Egito. Ou fazer uma experiência científica para forjar metais, imitando o jogo.

Podemos usar vídeos e animações produzidos no jogo para ilustrar situações de ensino. E podemos criar vídeos e animações com elementos do jogo em situações de aprendizagem. Como explicar uma sociedade feudal.

O limite é a criatividade, do professor e do aluno. Eu tenho me inspirado nas crianças, e elas estão adorando ver suas ideias em prática nas nossas aulas. É um momento lúdico de muita criatividade e cumplicidade, quando aprendemos juntos. Vale muito a pena experimentar.

Em 2014 escrevi um artigo para a revista Tecnologias na Educação sobre o tema:
Indico a leitura: 
http://tecnologiasnaeducacao.pro.br/wp-content/uploads/2015/07/Art12-ano6-vol10-julho2014.pdf


LEIA MAIS SOBRE O ASSUNTO:
http://amylandisman.com/2013/10/a-homeschool-moms-guide-to-minecraft-learning/

terça-feira, 24 de maio de 2016

Sudoku das Letras

Eu adoro Sudoku, é só ver a quantidade de posts sobre o assunto aqui no blog: http://bloguinfo.blogspot.com.br/search?q=sudoku

Desta vez eu separei uma versão com letras, para os pequenos da alfabetização, que estão reconhecendo as letras. Experimente:

http://www.wordplays.com/wordgames/sudoku

http://www.sudokudragon.com/dailyword.php

http://www.activityvillage.co.uk/word-sudoku (para imprimir)


Nonograma - Jogo de lógica

Pesquisando games para trabalhar nas aulas de Progressão com os pequenos, encontrei o NONOGRAMA. Jogo de origem japosesa, baseia-se em deduções lógicas, assim como o Sudoku. O jogo tem de fato a mesma aparência de um Sudoku, mas o objetivo não é preencher com números. Nele, os quadradinhos devem apenas ser pintados ou não pintados. No final, o conjunto de quadradinhos pintados forma uma figura.

QUER APRENDER A JOGAR? Acesse:
https://voidvision.wordpress.com/2010/10/30/nonogramas/


PARA JOGAR:







Robótica - Cálculos e matemática

Estou introduzindo os estudos de robótica por diversos meios. Inclusive nas aulas de matemática. Separei uma atividade que além de exercitar cálculos das quatro operações, traz o desenho em malha quadriculada.

Não é apenas a imagem de um robo, mas todos os conceitos envolvidos na atividade. Divirta-se!



“A melhor maneira de prever o futuro é inventá-lo.” 
Alan Kay, cientista da computação, em 1971.

Compartilhe