quinta-feira, 20 de novembro de 2014

Documentário: Atlântico Negro - Na rota dos Orixás

Dica TV Escola

Este documentário aborda fatos históricos sobre as grandes afinidades culturais que unem os dois lados do Atlântico: Brasil e África. Ele foi exibido o Festival Internacional de Cinema de Cannes em 1999, foi filmado na África (Benin) e no Brasil (Maranhão e Bahia). O documentário faz uma viagem no espaço e no tempo em busca das origens africanas da cultura brasileira, partindo das mais antigas tradições religiosas afro-brasileiras: o Candomblé, da Bahia, e o Tambor de Minas, do Maranhão. Na Rota dos Orixás transporta o espectador para a terra de origem dos orixás e voduns, o Benin, onde estão as raízes da cultura jeje-nagô.
"O documentário trata da riqueza cultural africana, sobretudo sua religiosidade. Exibe rituais e trajes típicos. Os africanos trouxeram para o Brasil os mestres da agricultura tropical e da criação de gado extensiva. Ele cita a religião dos orixás, muito ligada à noção de família. O tráfico de escravos da África para o Brasil durou 350 anos. Mais de 4 milhões de negros foram embarcados na costa africana com destino à Bahia, Maranhão, Pernambuco, Rio de Janeiro, São Paulo e Rio Grande do Sul. O Chachá Francisco Félix de Souza foi o maior traficante de escravos da costa atlântica da história. Há uma admiração e respeito recíprocos entre o Brasil e a África, bem como um grande entrosamento cultural."



Luis Nicolau escreveu uma resenha interessantíssima. Vale a pena ler:
http://www.afroasia.ufba.br/pdf/afroasia_n21_22_p367.pdf


Fontes:
https://aricostajunior.wordpress.com/2007/06/09/resenha-atlantico-negro-nas-rotas-dos-orixas/
http://www.afroasia.ufba.br/pdf/afroasia_n21_22_p367.pdf
http://tvescola.mec.gov.br/tve/video?showTrailer=true&idItem=7276&
http://g1.globo.com/sp/vale-do-paraiba-regiao/noticia/2014/11/centro-da-juventude-de-s-jose-exibe-documentario-atlantico-negro.html

Outros posts sobre o assunto:



0 pessoas deixaram comentários!:

Compartilhe